O que você procura?

Segunda-feira, 20 de Setembro de 2021


ENAGECEF e SENAGECEF

Saiba o que aconteceu no 52ºENAGECEF/DF- 04, 05 e 06 de Julho de 2013

Saiba o que aconteceu no 52ºENAGECEF/DF- 04, 05 e 06 de Julho de 2013

10.07.2013

Foi encerrado no último sábado, 06 de julho, o 52º encontro das AGECEFs. Na ocasião tomou posse a nova diretoria da FENAG. Foram três dias de palestras e discussões sobre temas de extrema importância para os associados. A FUNCEF foi a responsável por abrir o período de palestras e debates, a fundação esclareceu dúvidas e apresentou metas.

O CONDEL também levantou pautas para discussão. Além da implantação de nova metodologia de condução de reunião pela atual presidência do CONDEL, visando agilizar as discussões, ficou aprovado, dentre outros assuntos contidos na pauta, o encaminhamento de cobrança à CAIXA, quanto à estrutura mínima de funcionamento das novas agências e estudo para adequação das já existentes e das áreas de retaguarda, otimização das rotinas de TVV, término da compensação em banco de HE, HE feita HE PAGA, dentre outras.

No primeiro dia a frente da FENAG Nilson Moura se reuniu com o presidente da CAIXA, Jorge Hereda, para apresentar a nova diretoria da Federação das Associações de Gestores da Caixa e reafirmar propostas antes levantas por meio do oficio FENAG 07/2013 que elogia a gestão do presidente Hereda, os resultados alcançados nos últimos anos pelos empregados da CAIXA e consequentemente pela empresa, mas também demonstra o sentimento dos gestores da Caixa quanto a forma de cobrança de resultados, considerado, no documento, como não houvesse comprometimento por partes dos gestores. A reunião com o presidente será objeto de matéria especifica a ser divulgada nos próximos dias. Estiveram presentes na reunião além do presidente da FENAG o vice-presidente, José Alves Feitosa, a Vice-presidente para região Sul Marilde Zaperlon e o Diretor Suplente Almir de Sousa.

O conteúdo do oficio teve apoio não apenas dos 8000 associados da FENAG, mas também dos demais gestores que tiveram acesso ao documento. É bom lembrar, que esse documento foi regido por 120 pessoas, que representavam os anseios e vontades dos demais gestores da CAIXA.

A reunião que estava prevista pra durar 45 minutos acabou depois de quase duas horas de conversa entre os presidentes. Jorge Hereda afirmou que novas metas virão, Nilson foi categórico em dizer que não teme novos desafios e se colocou a disposição pra efetua-las, mas pediu moderação nas cobranças de resultados.

O encontro possibilitou a abertura de um canal de comunicação direto entre as presidências da Caixa e da FENAG. Após a reunião alguns funcionários demonstraram-se satisfeitos com o posicionamento e disposição da nova diretoria.